Playlist #4 – Setembro

Heeey amigos! Bora pra mais uma playlist? Setembro foi um mês meio nostálgico. Fiquei rodando minhas músicas para renovar o celular e encontrei umas relíquias boas que não lembrava direito.

Vamos conferir?

1 – Luka & Serginho Moah – A Aposta

Acho divertida, a letra é bem real HAHA.. Mas e essa voz? Sem comentários.

 

2 – Banda do Mar – Mais Ninguém

Tá, essa é mais recente 🙂 Não curtia essa menina nem a pau. Voz chata, jeito chato, toda chata. Mas na Banda do Mar ela surpreendeu. Estou curtindo bastante as músicas deles, porque será né? Camelinho lindo! E eu super curti esse clipe .

 

3 – Quase Sem Querer – Legião Urbana

É muito amor nessa banda. Isso que eu chamo de relíquia. E essa música… tão real, tão atemporal. Eterno Renato Russo. Um poeta. E esse vídeo que foi no ano que nasci ^^

 

4 – Maria Gadú – Bela Flor

Tem músicas que a gente não cansa de ouvir. É o meu caso com essa. Acho muito fofa, a voz dela é doce e suave. Dá vontade de dançar um balé.

 

5 – Dançando com a vida – Gabriel O pensador e Sandra de Sá

Minha adolescência aí. Amaaaava essa música. Inventava passinhos e cantava com uma amiga bem alto. Que delícia é viver <3

 

E aí, quem conhecia algumas dessas músicas? Estou amando minhas relíquias aqui e fico me perguntando porque ficaram esquecidas no HD. Farei mais playlists assim, juntando com a galera nova que tem muita música linda também.

Beijo grande floooores

Frase preferida |BEDA #21

Olá todo mundo!! Tudo bem com vocês??

Caraca, achei super fofo esse tema para o BEDA: frase preferida. Tinha planejado para o dia 21, mas achei que hoje seria um dia legal pra falar sobre ela:

frasepre

Anos atrás eu estava trabalhando em um lugar no qual estava me fazendo muito mal. Por muitas vezes cheguei a acreditar que não era capaz, pensei em desistir dos meus sonhos e blablablas. Mas uma força muito grande morava em mim e me fez querer acreditar, lutar contra esse sentimento de inferioridade e pensar em mim.

Essa força vinha do fato de que eu sabia que aquilo era só um momento. Ia passar. E junto veio que o mundo era bem maior que aquilo e que existiam milhões de outras coisas a se fazer, outros lugares pra trabalhar.

Daí o grande Renato Russo me ajudou. Com essa frase (tá eu sei que são duas na realidade) da música Dia Perfeito.

Não vou me deixar embrutecer… não vou meeeeesmo!!!

Eu acredito nos meus ideais.. isso me fortalece. Já sei pra que eu vim nesse mundo e sei que consigo alcançar o que quiser.

E agora: o tapa na cara!!

Podem até maltratar meu coração, que meu espírito ninguém vai conseguir quebrar… é isso mesmo, vou ficar triste algumas vezes, decepcionar várias, mas vou levantar, vai passar e continuarei sendo feliz.

Essa frase é para todos os momentos, atemporal, sempre!

Sempre que estou mal, lembro dela e fico bem melhor <3

Dá a sensação de que somos invencíveis, imbatíveis, insuperáveis. E não é que somos?

Renato Russo era um gênio. Obrigada por essas palavras, cara. Essa frase carregarei comigo sempre.

Alguém se identificou?

Beeeeijos

beda

Playlist academia | BEDA #14 e 15

Olááá todo mundo!!! Muito triste ontem pois não consegui postar e fiquei sem fazer o BEDA… Buááá!!! Passei mal o dia inteiro, com 38 de febre. Eu odeeeeio ficar doente. O corpo ficou ruim, sem vontade de fazer qualquer coisa, nem de comer. Vontade de ficar na cama o dia inteiro. E não consegui blogar nem nada.

E o mais triste é não poder ir na academia. Eu estava indo tão bem, correndo legal e com um programa novo 🙂

E o que muito me motivou e me fez correr mais ainda na esteira foi finalmente ter acertado minha playlist. Percebi que pelo YouTube era bem melhor, pois, além de não ficarem as músicas no meu celular, o próprio YouTube vai mudando as músicas pra você, escolhendo e montando uma playlist.

É super legal quando eu assustava, era surpreendida com uma música que não lembrava e me animava a correr mais.

Sem mais delongas, as cinco músicas preferidas do momento para correr na esteira. Aumente o som e boooora correr!!!!

 

Lady Gaga – Bad Romance

 

Rihanna – Shut Up And Drive

 

Backstreet Boys – Larger Than Life

Grease- You’re the one that I want

E a melhor de todas que às vezes eu to meio malz e repito pra dar gás:

Footloose – Kenny Loggins

E aí pessoas, curtiram? Quais vocês gostam de ouvir pra dar uma corrida boa?

Até a próxima…

Beijooooos

beda

O que me faz feliz? BEDA #13

 

Ao som de Clarice Falcão eu pergunto: o que te faz feliz? Falar de felicidade pode parecer meio piegas, né? Mas a resposta por mais clichê que possa parecer é justamente essa (parafraseando Armandinho):

“A felicidade se encontra nas coisas mais simples da Terra…”

Mas não é que é isso mesmo?

O que me faz feliz?

Bem, primeiramente é estar com as pessoas que amo. Seja pra se divertir, bater um bom papo ou apenas passar o tempo. Adooooooro estar no meio delas. Até curto ficar sozinha, sério, mas canso logo e quero todo mundo bem pertinho de mim, ainda que longe de corpo. Um sentimento que odeio é saudades hehe.

Outra razão da minha felicidade são os cachorros. Adoro animais, mas principalmente esses pacotinhos de amor. Eles me divertem, tem uma pureza, alegria e doçura invejáveis. Como dizem mesmo? Tudo o que você precisa é de amor e um cachorro. AMO a minha Teca demais. E se eu for na sua casa e tiver um cachorro… segura o fofucho que eu vou apertaaaaar!!!

E curtir a natureza? Fazer uma trilha, ouvir os passarinhos ou observar o mar. Aquela coisa de sentar, fechar os olhos, sentir um ar puro e ouvir o som da natureza. Dá uma paz e uma felicidade tremenda.

Felicidade boa é quando você consegue fazer alguém feliz. Arrancar o sorriso de alguém é sinônimo de bem-estar. Principalmente se for alguém que está sofrendo, precisando de apoio, uma palavra amiga. Um pouco de atenção, um abraço ou um simples gesto carinhoso pode ser o bastante para fazer alguém feliz. E com isso você fica feliz também.

Eu fico muito feliz também em poder escrever. Escrever histórias alegres, emocionantes e cativantes. Acredito que uma boa história ou uma simples postagem no blog pode ser o bastante para deixar o outro feliz. É uma forma de espalhar amor pelo mundo. Agradeço muuuuito a Deus pelo dom da escrita e por poder fazer bom uso dele, para o bem.

Tem gente que tenta encontrar a felicidade em bens materiais, em ter cada vez mais, em ter poder. Essa gente nunca vai encontrar. Felicidade mora dentro da gente, no coração, na alma, só basta procurarmos, dar motivos para ela surgir.

É natural. É gostoso. É mágico.

 

E você? O que te faz feliz? Conta pra mim. Vamos compartilhar a felicidade 🙂

E escrever esse post me deixou feliz hehe

 

beda

Top 5 – trilhas sonoras de filmes |BEDA#11

Olááá todo mundo, tudo bem com vocês??? Ontem no BEDA falei sobre meus cinco filmes preferidos de comédia, hoje vou falar das minhas cinco trilhas sonoras de filmes preferidos. Sou louca por musicais, só pra constar hehe

Aumentem o som aê…

1 – Your Song – Moulin Rouge

Meu musical preferido (talvez meu filme preferido), música maravilhosa, já me emocionei muito com ela e marcou uma fase boa na minha vida

 

2 – You can´t stop the beat – Hairspray

Outro musical maravilhoso da minha vida. Essa música da uma alegria e vontade de dançar 🙂

 

3 – Miracles Happen – O diário da princesa

Essa música é uma fofura só, faz lembrar bons momentos também 🙂

 

4 – Hungry Eyes – Dirty Dancing

Linda!! Linda!!! Linda!! Bem tiazona HAHA.. Mas amo mesmo.

 

5 – Breaking Free – HSM

Vamos deixar a tiazona de lado e virar criança HEHE surpreendentemente sou apaixonada por esse filme (todos os 3). A história mexeu muito comigo, fala de amizade de colégio e podem me julgar, mas adoro a letra  dessa música (e de quase todas).

 

Bem essas foram as cinco musicas preferidas do cinema, e mais uma vez difícil de selecionar, tirando as duas primeiras.

E vocês quais mais gostam?

beda

 

 

Tag ” A música que…” | BEDA #9

Olááá meu povo!! Esse BEDA está bom demais!! E hoje é dia de uma TAG, mas dessa vez não é literária, mas musical. Siiiim, vamos falar de música? Foi retirada do blog da linda da FABI, do Blog da Fabi. Qual é a música que…??

1) A música que me faz rir…

A que me faz rir de verdade tem censura, então não vou colocar HAHAHAHA essa que embaixo é muito idiota, a primeira vez que ouvi parei o que estava fazendo para prestar atenção e rolei de rir. É engraçada demais, sem besteiras. E fofa 🙂

 

 

2) A música que me motiva…

Sem cometários né?

 

3) A música que me lembra alguém que eu amo…

Amigos ou o crush? Como tem item lá embaixo para amigos e fofuras vamos falar de crush platônico. Essa música chega a ser engraçada, imagina quando canta “toda vez que eu saio me preparo pra talvez te ver”? Quem nunca? O problema é que só vejo quando to toda ferrada, descabela, suada, geralmente saindo da academia. Aff

 

4) A música que eu gostaria de ter escrito…

Acho que todas que gosto, que servem de inspiração. Quantas músicas eu não penso nisso?? Mas vai lá uma, que pra mim é brilhante, ia me gabar muito de ter escrito hehe.

5) A música que me lembra a infância…

Puts, amo música desde pequena. Sempre fui de voltar a mesma música 300 vezes, até na época da fita k7, que tenho certeza que muitos de vocês não sabem que existe e nem da dificuldade que era pra colocar na música que a gente queria. Hahaha… mas essa em especial, porque é desde pequenininha meeeesmo. Caraca, ela é horriveeeel, sério que eu gostava dela? Que sofrência HAHAHA vou voltar e colocar no item de música que me faz rir HAHAAHA raxando aquii. Desconto que pra criança ela é bonitinha. Sou muito tiazona, ninguém conhece HAHAHA

Vou quebrar o galho de vocês e colocar uma divertida que acho que vou voltar a ouvir porque achei legal, mas continuo sendo a tiazona HAHAHA tenho esse vinil até hoje aqui. Ai Xuxa, você já foi legal, descia da nave e tudo… snif snif

6) A música que da qual eu gosto da letra…

Eu praticamente só ouço músicas que gosto da letra, mas acho que já falei isso hehe item mais que difícil, mas vamos lá, uma delas que sempre ouço milhões de vezes e ainda não falei dela aqui, que sei lá, é brilhante também, muito inteligente e toca no fundo da alma.

7) A música que do qual eu gosto de acordar…

Não tenho música pra acordar. Esse ato eu faço de mau humor, e muita correria HAHA não queiram conferir. Qualquer música, por mais legal que fosse, mais Los Hermanos ou até uma Ivete Sangalo pra animar iria virar o pesadelo da minha vida. Sorry povo. Item que não pode ser respondido.

8) A música que me lembra minha adolescência…

Puts, mais da série tiazona. Ouvir música na adolescência foi só o que fiz.Era muito mais ligada nas novidades que hoje, que prefiro as antigas. Sabia todas as novidades, comprava e pedia CDs de presente, gravava os das amigas na fita e quando chegou o abençoado Kazaa (uuui que velha) não sabia mais o que fazer. Gente, sério, não sei qual escolher, tá tenso. SOCORRO!! Ia fazer a primeira que vinha em minha mente, mas passaram mil de uma vez só. Aff… vamos lá, uma beeeeem do iniciozinho dela.

9) A música que me lembra minha melhor amiga…

Ufa!! Um item mais fácil. Lembro que a gente na falta do que fazer (como se não tivessem mil deveres pra fazer na aula) ficávamos cantando essa música, do nosso jeito. Não sei de onde a gente tirou essa música, é mais tiazona que a gente, mas eu e Francisco sempre fomos os diferentões. Vai entender… Mas ela é LINDA!

E um bônus, quando terminei o colégio só sabia ouvir essa música, que lembra meu grupinho de amigos que tenho desde os primórdios:

10) A música que me faz chorar…

Já respondi esse item numa outra TAG, então vou colocar outra música (aliás tinha dito que ia contar a história dela, ainda vou fazer esse post). Não quero parecer beata nem nada, mas a verdade é que nos primeiros acordes dela eu já desabo, ela dá um alívio na alma tremendo, e só fala verdades. “O mundo pode até fazer você chorar, mas Deus te quer sorrindo”. Que música <3

 

11) A música que eu adoro cantar…

TODAS!!! Canto para extravasar, para mostrar minha felicidade… tudo!! Principalmente as alegres. E rock, aaaah o rock <3 Qualquer coisa alta que dê para gritar!! Tipo essa:

 

12) A música que marcou um momento da minha vida…

Cada momento da minha vida foi marcado por uma música. Ou mais de uma. Bons e ruins. Vou colocar um ruim, que foi da minha fase de vestibular que descreve tudo que senti…

Uma feliz (aliás tem mais felizes hehe) Lembra um período que saí de uma fase ruim e parti para o melhor ano da minha vida, dá até nostalgia HAHA

13) A música que você dançaria agora…

Eu danço tipo louca com quase todas as músicas. Eu já falei isso? A vassoura é minha companheira. Mas as músicas de musicais são as melhores, logo em seguida vem as de axé. Sinto que estou dentro do musical, é coisa de gente doida mesmo, mas nem ligo:

 

Com um pouco de dificuldade de parar de dançar eu encerro essa TAG desafiando meus amigos do “Vai Um Café?” A fazerem. Pra mim foia TAG mais difícil até hoje. Estou feliz em ter conseguido, esqueci de contar quanto tempo durou para terminar, demorei muuuito pensando nas respostas. Espero que tenham gostado.

Fiquem com as respostas da Fabi:

https://fabbi-blog.blogspot.com.br/2016/07/tag-musica-que.html

Beeeeeijos todo mundo

 

 

Playlist #3 – Últimos meses |BEDA#4

Hellooo meu povo!! Tem uns dois meses que eu não faço playlist. Bem, a verdade é que com toda essa coisa de publicar livro, estresse no trablaho e blablablas da vida pouco parei para conhecer novas músicas ou mudar meu repertório no celular. Passei mais de um mês ouvindo só Los Hermanos. Não que seja algum problema hehe mas nada de novidades no mundo da música pra mim.

Bem, algumas músicas entraram na minha lista e hoje vou mostrar as cinco que conheci/mais ouvi nesses últimos meses. Aumentem o som 😉

 

Maneva – Luz que me traz paz

Pensem em uma voz doce, suave, meiga e uma letra mega fofa. É essa música que retrata isso. Uma romântica que gosto de ouvir sempre, da uma paz de espírito. Eu canto pra Teca rs.

 

MIL POEMAS – Jammil e Uma Noites

Pra dançar, curtir, querer ser feliz e sair pulando (cara, como sou louca). Gente essa música é muito feliz, adoro demais e da vontade de estar na praia quando escuto haha.. Já quero levantar aqui e dançar, não dá pra ficar parada (levantei mesmo).

 

Dar-te-ei – Marcelo Jeneci

Um dos meus cantores preferidos da atualidade. Uma voz linda, uma paz e essa letra… o que realmente importa, não é? Uma melodia que te faz pensar no amor puro, a não se importar com melhores presentes, mas com o amor, com alguém que gosta de você de verdade, que é o que é eterno.

 

João Bernardo (Dinda) – Queria Me Enjoar de Você

Mais uma da série fofura. Letra linda, amorzinho. Voz linda, melodia alegre. Típica música romântica sem ser melosa, é divertida. O coro é super empolgante e também dá vontade de dançar. A gravação não é das melhores, mas acho que essa foi a melhor parte, ficou no natural, parece que eles estão do teu lado cantando. Tipo um grupo de amigos cantando juntos num sábado a noite.

 

Nas Margens de Mim – O Teatro Mágico e Leoni

Não podia faltar né. Mais uma dá série que traz paz. Teatro Mágico pra mim é uma poesia cantada. Essa letra é linda, faz uma reflexão linda sobre a vida e a voz do Anitelli é indiscutível. Só ouvindo e lendo pra sentir. Sem palavras.

 

 

Então, essa foram minhas escolhas. Quais você conhece também? Alguma sugestão de músicas nesse estilo? Estou amando a Nova MPB.

Grande beijo!!

Projeto Fotográfico 4×4 – Julho

Depois de meses sem participar,  hoje  retorno com minhas fotografias do Projeto Fotográfico 4×4, no meu amado grupo Vai um café?. Super me surpreendi com o resultado, amei demais os temas Lari. Sem mais delongas, minhas fotografias:

  1. Amarelo

Começando com meu tema preferido, deu margem para minha criatividade e eu fiquei um tempão pensando: O que eu fotografo de amarelo? Bem, quem vê os meus vídeos já viu essa plaquinha por lá ne? Fui eu mesma que pintei 🙂 PAZ

09 003

2. Frio

Um look de inverno chique. Dizem que ficamos mais elegantes no frio, hehe. Toca de lã, poncho e bota overknee. Pra esquentar que o negócio aqui anda sinistro.

09 004

3. Cotidiano

O que andei fazendo nessa última semana? Estudando para prova da faculdade. Meus dias acabam sempre se resumindo em canetas, lápis, caderno e notebook. E as fofurinhas pra alegrar. A pasta sanfonada em baixo é onde armazeno minhas ideias para os próximos livros.

09 005

4. Música (por causa do dia do rock)

Meu violão. Instrumento que de pouco a pouco estou conseguindo tocar e orgulhosa de mim mesma. Só que nada de rock. Estou com dificuldade de bater, foco nos dedilhados, valas e marchas.

80 193

Essas foram minhas fotos. Fico orgulhosa do resultado, hehe.

Todas foram fotografadas por mim mesma, com minha câmera Canon T3i. Uso a lente 50mm e a do cotidiano usei a 18-55mm pra não desfocar. O sol batia no meu quarto.

Beijos pessoas lindas

12191717_10207450342518984_5470877887559865017_n

Dia de rock, bebê!!

Tá, eu sei que o dia do rock foi ontem, mas como sai não pude postar, e também né, só um diazinho hehe…!! Minha história com o rock começou aos 14 anos, de uma forma meio que curiosa e bizarra. Bem, na verdade fui uma pré-adolescente romanticazinha que ouvia pop e até mesmo um pagodeenho de leve. Nessa idade eu tive o que na época podia chamar de primeira desilusão amorosa (quanto drama, mas tinha 14 anos, dá um desconto!). Fiquei bem magoada porque o menino que era apaixonada não gostava de mim e como sabia da minha paixão fazia piadinhas com isso e usava para exibir pro mundo, do tipo: “sou gostosão!!”

Tá bom, fiquei mal e achava insuportável ficar ouvindo musiquinhas melodramáticas, ainda quando, meses depois conheci outro menino e troquei de paixonite. Comecei a questionar porque que todas as músicas falavam de amor, de casais apaixonados, de que não vivo sem você, que você é tudo na minha vida. Pera aí, muito mel com açúcar (era esse o termo que usava). Até que mais ou menos sem querer conheci o rock, pop rock na realidade, coisa de leve. Lembro que Capital Inicial tava em alta e na escola a gente só cantava “Primeiros Erros”.  Logo após minha amiga me deu um CD do Barão Vermelho. Aí que tudo começou, descobri o que queria ouvir.

Aos 15 anos conheci outras músicas aleatórias, enjoei do rosa e comecei a descobrir outras coisas. Conheci gente nova, meus amigos que tenho até hoje e passei a gostar de estudar História. Mas só aos 16 que ampliei mesmo. Descobri sites na internet e programas para baixar músicas (quem aí lembra do Kazaa? Sim, sou tiazona. Pronto, falei!) Uma infinidade de músicas de rock com letras inteligentes, que falavam sobre a vida, outros sentimentos e fui me encontrando cada vez mais. Aos 17 a Pitty estourou no mercado e eu virei fan incondicional dela.

Cheguei a ouvir rock pesado por uns meses, mas enjoei rápido, aquilo não era pra mim rs. No meu PC tocava Link Park, Capital Inicial, U2, CPM22, Cazuza, Avril Lavigne e outras. O tempo foi passando e sempre me dava a louca de conhecer novas bandas. Aos 19 anos sabia meu estilo musical preferido: rock nacional. Fui conhecendo Engenheiros do Hawaii, Biquini Cavadão, Nenhum de Nós, Nando Reis e outros. E nessa época, a paixão da adolescência do meu irmão pegou em mim. Sempre ouvi Los Hermanos por causa dele e resolvi pesquisar todo o repertório. Pronto, apaixonei.

Não que tivesse deixado o pop de lado. Ainda ouvia Sandy e Jr e Backstreet Boys. Mas a maturidade me fazia querer ouvir músicas além do “eu te amo”. Tinha um grande hobby em pegar as letras e ficar analisando, tentando entender o que o cara queria dizer com aquela música (ahan, coisa de gente louca).

O rock marcou em mim como uma transição de pensamento, maturidade, nerdice, vontade de refletir sobre a vida e me conhecer cada vez mais. Quantas vezes não estava mal e uma música me fez me sentir melhor? Quantos rocks não me fizeram compreender certos acontecimentos e refletir?

Muito mais do que solos de guitarra!

Viva o rock!!

Projeto Fotográfico 4×1 – Abril

 

Esse post é parte de um Profeto Fotográfico criado lá no grupo-fofo-que-amo-demais Vai um café? São quatro fotos, cada uma lembrando um sentimento diferente. Foi ao mesmo tempo difícil e encantador.

No início fiquei preocupada em fazer fotos lindas, mas onde estava meu espírito fotográfico? O importante é o sentimento que passa na foto. E amei o meu resultado. Chega de falar e vamos às fotos:

1 – Música

Sou apaixonada por música, mesmo que não toque nada direito, tente arranhar um violão e dê umas batidas num pandeiro ou chacoalhar um pastoril ou um chocalho. Acho linda essa mistura de sons, em harmonia. Escolhi a sala de música infantil. Cheia de instrumentinhos e notas musicais. É aqui onde a musicalização começa.

pf 003

 

2 – Amor

Fui fazer essa foto para infância, mas só consegui pensar em amor. São as minhas crianças da evangelização trabalhando, colocando a criatividade pra fora. Amor pois é o que eu mais amo fazer, é o que me completa, me encanta, me faz bem, me faz acreditar em um mundo melhor!pf 005

3 – Infância

O que fazer com bloquinhos de madeira? Pequenos pedacinhos podem se transformar em castelos, casas, histórias, ou o que couber na imaginação de uma criança. Ser criança é isso, é brincar, é ter imaginação.pf 008

4 – Natureza

Que resiste a um belo por-do-sol? Um final de tarde como esse precisa ser sempre lembrado, registrado, abençoado.pf 013

Essas foram minhas fotinhas para esse mês. Como disse, tirei com carinho e escolhi pensando no que cada uma representa. Afinal, pra mim fotos são para registrar momentos, passar um sentimento, seja ele qual for. Uma forma de poesia.

Espero que gostem 🙂

12191717_10207450342518984_5470877887559865017_n