Lugares que sonho em conhecer #5

Oláá amores! E hoje retorna mais post da série Lugares que sonho em conhecer 🙂 E para recomeçar, vamos a um destino bem diferente do que temos visto aqui. Sem mato, praia e ecoturismo, rs. Vamos deeeee:

Ouro Preto

Todas as imagens foram retiradas do Pinterest, o link está na própria imagem

Cidade famosa e conhecida por muito, né? Mas eu mesma nunca fui 🙁

Onde fica? Minas Gerais

Por que quero conhecer? Tenho uma paixão por História. E cidades históricas caminham juntas. E a paixão pela Arte? Nem se fala! Tem uma beleza arquitetônica sem igual. Essa em especial é uma das queridinhas do Brasil. Não posso deixar de conhecer seus encantos, de sua história e enriquecer meus conhecimentos.

O que tem para fazer? Apreciar muita arquitetura e demais obras de arte barroca (aliás, a cidade é considerada Patrimônio Histórico da Humanidade por abrigar o maior conjunto arquitetônico do Brasil), com igrejas ornamentadas com mais de 100 quilos de ouro, obras-prima de Aleijadinho. Fora os museus que conta com peças de arte sacra e documentos referentes à Inconfidência. ou seja, uma aula de História, Arte a céu aberto. Um banho de cultura que merece ser apreciado, sentido.

Minhas expectativas? Ser banhada por cultura, história do Brasil, lindas arquiteturas, culinária mineira da boa (por que não?) e tirar muuuuitas fotos.

Mas conta de você, já conheceu Ouro Preto? Conta para mim, quero dicas 🙂

Beijo grande e até o próximo!

Fonte: Férias Brasil

Vlog Inhotim – 2° dia

Olááá amigos!! Então, finalmente, no ar, o VLOG do meu segundo dia em Inhotim 🙂

Demorou um pouquinho, pois estava viajando e não tive como postar, confesso que gostei de tirar essa semaninha para mim, sem pensar em nada!!!

Mas o vídeo prometido está aqui, com umas diquinhas básicas para quem vai a Inhotim:

1 – Fiquei hospedada do Hotel Ville de Montagne. Ele é lindo, aconchegante, tem piscina, sauna, café da manhã simples-porém-gostoso, tem um preço bom e ótima localização. Também tem restaurante, caso queriam comer por lá mesmo. Para maiores informações acesse o site: http://www.villehotel.org/. Reservei pelo Booking.

2 – Levem uma garrafinha d’água, lá tem vários bebedouros, com certeza vai precisar de muuuuita água.

3 – Não se preocupem com banheiros, são limpíssimos.

4 – Há funcionários espalhados por toda a parte, pode perguntar todas as dúvidas, eles saberão te responder.

5 – Tem duas obras de arte que são piscinas, pode entrar com certeza. Eu, particularmente, não quis, preferi passear mais.

6 – Quarta-feira não paga. Enche um pouquinho, mas Inhotim é tão grande que todo mundo se esparrama.

7 – Tem poucas opções de comida, alguns quiosques isolados e dois restaurantes. Almocei no Oiticica, é a quilo, gostoso, não é tão caro (também não é baratinho rs) e é de vista para o lago.

8 – A cidade em si não tem outros atrativos. Apenas três barzinhos mais no centro, padarias e uma pizzaria delivery.

Jantei no Espeteria e no Hastag. Muito bons, recomendo 😉

9 – Para aproveitar melhor a viagem, tem uma série de atrativos na área de Brumadinho, são um pouco longe, mas vale a pena. Eu fui no Verdes Folhas, mas falarei sobre ele num outro post.

10 – Inhotim é um instituto de Arte Contemporânea, e, por mais clichê que pareça dizer, é preciso muita sensibilidade para compreender. Vale a pena sentar, observar e refletir sobre tudo que lhe é exposto. Não rola passar direto, olhar e sair. Mesmo com o tempo curto, um pouco de reflexão é necessária. Não vale a pena ir e não tirar proveito de nada, não sair de lá discutindo uma obra de arte, tentando entender o que o cara quis dizer com aquilo, e lembrar que o que você vai interpretar não é necessariamente aquilo que ele quis dizer.

Enfim, o vídeo 😉

 

“Arte é vida, é essencial para fazer de nós seres humanos melhores, mais sensíveis, e compreensíveis com as coisas do mundo!!!!”

Pinterest

Minha avaliação no TripAdvisor: https://www.tripadvisor.com.br/Attraction_Review-g1747395-d1743976-Reviews-Inhotim-Brumadinho_State_of_Minas_Gerais.html

Vlog – Inhotim – 1° dia

Oláá meus amigos, já está no ar o vídeo do primeiro dia da minha viagem a Inhotim (MG).

Com muito orgulho que apresento a vocês um pouquinho desse lugar mágico, maravilhoso, lindéérrimo <3

Desfoques e luz a mais a parte, o vídeo ficou maravilhoso. Escolhi uma trilha sonora digna de Inhotim.

Espero que gostem, divirtam-se comigo e morram de vontade de estar lá. Organizem-se para ir, valerá MUUUUITO a pena, podem ter certeza 😉

 

Um beijo no coração de cada um e aguardem o vídeo do segundo dia, com diquinhas extras de Inhotim!

 

Planejando minhas férias: Inhotim MG

Oláá minha gente!! Ano novo está aí, 2017 chegou com tudo. E é hora de organizar tudo para viajar nessas férias XD

Lembra que todo mês faço o “Destinos que sonho em conhecer”? Pois este mês, especialmente, irei falar exatamente de onde irei essas férias.

Destino escolhido: Inhotim!

Descobri esse lugar maravilhoso assistindo um dos meus programas preferidos, o Mundo Museu, no Canal Globo Sat. Fiquei encantada com a beleza do lugar e comecei a pesquisar sobre ele.

Tá bom, Priscila, agora será que dá pra parar de enrolar e falar logo o que que tem de tããão especial desse lugar que faz vocês querer ir tanto nessas férias?

Bem, Inhotim é um Instituto onde é encontrado diversas obras de arte, em meio a um Jardim Botânico. Pensem em uma mistura de parque ecológico com obras de arte contemporânea, museu… é tudo isso, numa imensidão de 140 hectares para visitação, sendo o maior Museu a céu aberto do mundo (UAU!!). Fica situado na cidade de Brumadinho (MG), a 1 hora de Belo Horizonte.

São ao todo cerca de 450 obras de arte espalhadas pelo Instituto, de artistas brasileiros e estrangeiros. Além de conter 4300 espécies de cultivo no Jardim Botânico. Imaginem só a loucura: Admirar a natureza junto com a arte. Combinação perfeita, não?

Meu amigo esteve por lá meses atrás e me deu umas dicas: ir dois dias (um só não dá para conhecer tudo). E pegar um carrinho para ajudar na locomoção.  Li que esse carrinho faz um percurso de uma hora. É muito grande, muita coisa para se ver. Então nada melhor do que algo para nos ajudar. E mais tempo né?

Uma dica já dou de uma vez, mesmo nunca tendo ido: ir com roupas confortáveis. Já separei um tênis, e pensando no look mais levinho possível. É verão, mas com certeza lá não irá fazer um calor infernal. Muita árvore e estarei a mais de 700m do nível do mar. Então posso optar por um look fresco-porém-nem-tanto.

Já estou aqui imaginando como será: andando em meio a mata atlântica, e de repente: OH! Uma obra de arte 🙂

Quem aí já foi? Qualquer dica que puderem me dar será muito bem vinda para minhas férias serem ainda melhores aproveitadas 🙂

Alguém com vontade de ir?

Todas as imagens foram retiradas do Pinterest, o link para cada uma delas está na própria, é só clicar para maiores informações.

Fontes de pesquisa: WikipediaInhotim e Chata de Galocha

Um beijo grande e boas férias XD